MDF vs Madeira Sólida? Veja nosso comparativo e tire suas conclusões.

Móveis em MDF vs móveis de Painel de Partículas (MDP) – Qual a melhor escolha?
21 de junho de 2017

Foto de Pedro David - instala›es fabris da Lider Interiores em Carmo do Cajuru - MG

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Com certeza a madeira sólida é o vencedor da disputa, certo? Talvez não. Esta é a percepção mais comum quando se trata de comparar MDF e madeira sólida. A madeira é vista como um material forte e resistente, como de fato é, enquanto o MDF é muitas vezes visto como uma alternativa fraca e barata. A verdade é que ambos têm seus prós e contras para uma remodelação de cozinha. Apesar da crença popular, a madeira nem sempre é a escolha certa; Em algumas situações, o MDF pode ser o melhor material.

Para os proprietários que estão construindo ou realizando reformas em casa, saber a diferença entre os dois materiais e suas características particulares é fundamental. Abaixo, analisamos o MDF e a madeira maciça, observando os prós e contras de cada um e os melhores usos para cada material.

Madeira sólida

A madeira sólida tem sido o principal material para mobiliário durante milênios e ,por definição, este nome refere-se a madeira natural vinda diretamente da natureza, enquanto o termo “madeira processada” refere-se a outros tipos de materiais à base de madeira, como o MDF e o MDP. Embora a madeira maciça consista apenas em madeira, a madeira processada é uma mistura de madeiras, folheados, fibras, resina e adesivos.

Vantagens da madeira sólidapiso madeira sólida

Durabilidade e Força: a madeira maciça é impressionantemente forte e robusta. Se você está procurando comprar algo que durará décadas, o mobiliário de madeira sólida é perfeito. A madeira sólida é tão forte já foi utilizada até para a construção de edifícios ao longo da história! Claro, diferentes tipos de madeira possuem diferenças de resistência que variam de uma para outra. Um exemplo disso é o carvalho, que é mais resistente do que o Cedro.

Aparência: em termos de aparência, a madeira maciça é absolutamente mais bela do que qualquer madeira processada, devido principalmente ao seu aspecto liso e polido. Se a aparência e o estilo são a maior prioridade para você, a madeira sólida é, de longe, a melhor escolha que você pode fazer.

Customização: com o uso de madeira maciça, existem várias formas de customizar os móveis, sendo elas no design (forma), no acabamento e na cor.

Valor: os móveis feitos de madeira maciça tendem a ser mais caros do que aqueles feitos de madeira processada, embora em alguns poucos casos os móveis de MDF possam ser bastante caros. Para os proprietários que procuram economia, adicionar elementos de madeira sólida não é a melhor alternativa.

Variedade: existem inúmeros tipos de madeira, cada uma com diferentes atributos de resistência, força, custo e aparência. Combine isso com as várias texturas e acabamentos e você pode encontrar algo praticamente único para sua casa.

E o MDF? Onde é usado?

O MDF é bastante comum em armários de cozinha. A maioria dos armários de cozinha compreende elementos de madeira maciça e outros de MDF. O MDF geralmente é encontrado nas portas e painéis interiores pelas razões ja citadas anteriomente (mais fácil de pintar, mais fácil de limpar, menor deformação e etc).

MDF vs Madeira Sólida Planejada Móveis PlanejadosPorém não é só na cozinha que se faz uso de MDF. Estamos longe disso. No banheiro, onde há muita umidade, o MDF é a escolha preferida em relação à madeira maciça. Isso ocorre porque ele não sofre danos com mudanças de umidade e temperatura no banheiro, desde que bem vedado. Ao obter o MDF para uso nos banheiros ou em qualquer outro ambiente úmido, verifique se ele é especialmente feito para ser resistente à umidade. As placas MDF normais serão facilmente danificadas quando entrarem em contato com a água.

Para proteção contra incêndio, recomenda-se o MDF retardador de fogo. Embora este tipo de MDF seja mais comum em áreas comerciais, ele também pode ser usado em casa para fornecer proteção contra incêndio, especialmente em lugares como a cozinha e os quartos.

Outra consideração quanto ao uso do MDF é quando comparado ao compensado de madeira (ou contraplacado). Esta não é necessariamente uma comparação que você faria para armários de cozinha, mas para outros casos de construção, escolher entre um compensado ou MDF pode ser uma escolha que você precisa avaliar bem.

Outra área em que o MDF pode ser usado está nas prateleiras. Se o alvo é o interior de um armário, uma prateleira de parede aberta ou uma estante de livros, o MDF é preferido devido à sua superfície lisa. Porém tenha muito cuidado com relação a quantidade de peso que você for colocar sobre ele, pois o MDF afunda com o tempo quando submetido a peso excessivo. Se você pensa em colocar pesos pesados ​​nas prateleiras de MDF, considere reforçá-lo com madeira maciça. Dê uma checada nos projetos da Planejada Ambientes e confira em quais casos já usamos MDF clicando aqui.

Por fim, o MDF é amplamente utilizado como material para portas interiores e exteriores. Existem placas de MDF especialmente feitas para serem elegantes, robustas e duráveis. Na verdade, as portas feitas em MDF podem oferecer mais opções de personalização do que as portas de madeira maciça.

 

MDF vs Madeira Sólida: O veredito!

Depois do exposto acima, vimos que ambos são bons e não podemos declarar nenhum deles como vencedor absoluto. Isso ocorre porque ambos têm seus prós e contras. Há situações em que um é melhor do que o outro. Depende muito do uso. Mas quando se trata de portas para armário, recomendamos o MDF. Ele fornece muito mais benefícios do que a madeira maciça.

Se você está pensando seriamente em dar uma renovada em sua cozinha, considere escolher armários com portas de MDF. Com o propósito de lhe esclarecer, nós da Planejada Móveis Planejados estamos aqui para ajudar com qualquer coisa. Contacte-nos com quaisquer perguntas e dúvidas sobre o uso de MDF em sua casa clicando aqui.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *